O PASSADO VISTO A PARTIR DO FUTURO

Não é britânico, mas é MUITO FODA rsrs…

Olá pessoal!

Hoje eu vou falar um pouco a respeito de um movimento pelo qual eu tenho me interessado bastante de uns tempos para cá: o STEAMPUNK
Esse jogo de épocas, em que se vive o agora com base na vanguarda de uma era passada, transforma o classissismo vitoriano e os maquinários da Revolução Industrial nas características principais de uma subcultura contemporânea, onde seus adeptos diariamente resgatam o comportamento, a estética e os valores de um passado que muitos gostariam de ter vivenciado, juntando a isso o fascínio por engenhocas mirabolantes movidas à vapor. É uma nova R. I. !!!
WHAT THE HELL IS STEAMPUNK?
“O gênero steampunk pode ser explicado de maneira muito simples,
comparando-o a literatura que lhe deu origem. Baseado num universo de
ficção científica criado por autores consagrados como Júlio Verne
no fim do século XIX, ele mostra uma realidade espaço-temporal na qual a
tecnologia mecânica a vapor teria evoluído até níveis impossíveis (ou
pelo menos improváveis), com automóveis, aviões e até mesmo robôs
movidos a vapor já naquela época.
Não é difícil entender o movimento Steampunk se o pensarmos enquanto
história. Uma história que se enquadra no universo da ficção cientifica,
que remonta ao reinado da Rainha Vitória no Reino Unido e agarra tudo o
que acarreta essa era, tendo como base a revolução industrial e as
novas invenções como a máquina a vapor. O Steampunk cria uma realidade
espaço-temporal utópica, na qual a tecnologia mecânica a vapor teria
evoluído até níveis impossíveis, deixando-se fundir com o corpo humano.
Muito da origem deste movimento vem da variante “Cyberpunk”, sendo as
máquinas cibernéticas substituídas pelas tecnologias da era do vapor.
O SteamPunk é explorado em filmes, livros e jogos de videogame, e também pode ser trazido para a classificação de tribo a partir do fato de sua popularidade reunir fãs do mundo todo, trazendo essa caricatura do mundo real para o mundo real.
Hoje em dia, o gênero vem se popularizando, através de
filmes como os de James West, games como Fnal Fantasy e animes como
Steamboy. Na música, a junção de vários instrumentos com toques
burlescos, metal e ópera fazem o som do SteamPunk. Beirut, Amanda
Palmer, The Clockwork Quartet e Diablo Swing Orchestra estão entre os
nomes mais famosos. Várias pessoas também estão investindo na produção
de acessórios retrofuturistas, criando joias, relógios e roupas
SteamPunk.
Na moda, os steamers fazem uso de cobre, couro, engrenagens, penas, chapéus, corsets, relógios de bolso, etc., nas vestimentas e nos objetos, muitas vezes contemporâneos, transformados esteticamente em máquinas do séc. XIX.
 No Brasil, o Conselho SteamPunk é um grupo de fãs do gênero que passou a movimento cultural, com o objetivo de divulgar e incentivar atividades e eventos culturais, produzindo material literário, reuniões, ilustrações e jogos. Há 9 lojas (núcleos de entusiastas) distribuídas em diferentes estados do país. Os steamers do Brasil se encontram e eventos literários e de games, eventos culturais (como a Virada Cultural), e em piqueniques vitorianos.” 
Fontes: SteamPunk (blog), obviousmag.org, Wikipédia.
Vi e recomendo: SteamPunk (site)Universo FantásticoUOLLivros com a temática SteamPunk .
E aí, o que vocês acharam? Confesso que eu só conhecia o SteamPunk de nome e algumas imagens, e já achava interessante. Depois que comprei dois livros com a temática (Steampink e Deus Ex Machina) eu encasquetei com isso e resolvi pesquisar mais a respeito. É maravilhoso rs.
Espero que vocês tenham curtido ^ ^ . Por favor, não deixem de comentar, e aproveitem para dar sugestões de temas que vocês gostariam de ver abordados aqui no blog.
Ah, sim. Gostaria de avisar que eu estou para mudar de casa e vou ficar sem Internet por algum tempo, então, se eu sumir do blog (mais ainda? 0.o), não é porque eu o abandonei, mas porque não tenho como postar. Sem falar que terça-feira agora (14/02) eu serei oficialmente uma English Teacher (é, arrumei estágio rs ♥______♥), então, mesmo quando eu estiver com Internet, não terei tempo para ficar postando = X . Mas tudo bem, eu dou um jeito.
See ya ♥.

3 Responses to “O PASSADO VISTO A PARTIR DO FUTURO”

  1. Duda, você arrasou garota!Faz tempo que eu estava querendo pesquisar mais sobre Steampunk, desde que eu comecei a ouvir uma banda no ano passado, para ser mais exata. Mas sempre esquecia de pesquisar. Seu post caiu como uma luva, além, é claro, do fato de ele ter ficado super didático e nem um pouco cansativo! =DNo site da editora Estronho é posível ter acesso à degustação dos dois livros que você indicou. Além disso, tem uma promoção rolando, com os dois pela metade do preço e frete grátis! Eu já comprei os meus ^^Degustação dos livros:http://editora.estronho.com.br/Loja: http://estronho.com.br/loja/index.php?page=shop.product_details&category_id=8&flypage=flypage_new.tpl&product_id=197&option=com_virtuemart&Itemid=1Parabéns novamente!Beijos

  2. Oi linda, obrigada!!! Fico muito feliz com o seu comentário!Pois é, na Estronho sempre rolam promoções em que eles vendem as coleções completas com desconto, e o frete é sempre grátis mesmo; agora eu só preciso de um tempinho para poder ler os meus livros rsrs. Pena que na época em que eu comprei os meus dois, eu tava sem verba para comprar todos os livros de uma vez, já que compensa…Mas agora eu vou poder arranjar os restantes rs.Obrigada novamente e beijãão ♥

  3. este post ficou muito bom!

Em busca de respostas? Eu também, então deixe seu comentário, opinião ou sugestão que lerei com muito carinho

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: