Tightlacing

“Tightlacing ou ‘laço apertado’ em uma tradução literal é o nome dado à prática de usar um corset por longos períodos, no intuito de alterar a silhueta reduzindo a cintura. O Corset utilizado para este fim é uma evolução dos espartilhos que nossas bisavós e tataravós usaram, nada a ver com o que hoje chamamos de espartilho a venda em lojas de langeries e sex-shops.
Os Corsets são construídos com tecidos resistentes, em várias camadas e com reforços em áreas estratégicas, amarrados nas costas e com barbatanas rígidas, normalmente de aço ou alumínio.
É fato conhecido desde a idade média que a pressão constante aplicada pelo Corset, sobre a cintura e costelas inferiores por 16 a 24 horas por o dia, acaba por curvar gradualmente as costelas flutuantes, fazendo que com o tempo a alteração acabe sendo definitiva. Porém, além do Tightlacing exigir disciplina e força de vontade, deve ser praticado com critério, pois assim como a redução da cintura é um fato historicamente comprovado, também é indiscutível que o uso de forma exagerada ou com pouco critério pode ocasionar vários problemas de saúde.
Para a efetiva redução da cintura com modificação da localização de órgãos internos e reacomodação das costelas, o Corset deve ser bem reforçado, ter preferencialmente barbatanas de aço e ilhoses bem próximos”
(…)
Fonte:
http://www.tightlacing.blogspot.com/

Vamos agora à minha experiência com o Tightlacing:
Eu descobri a existência da prática no fim de 2009 quando um amigo me apresentou uma garota que praticava. Eu fiquei maravilhada com a cinturinha da guria, sem contar o corset em si que era maravilhoso. Fui logo atrás de um para mim, porém, para a surpresa de ninguém ele não era tão baratinho assim, e além disso, a primeira corsetmaker com quem eu falei já me informou que eu deveria praticar alguma atividade física para fazer tightlacing, porque do contrário poderia acumular gordura na região do umbigo.
Portanto, entrei em uma academia e começei a juntar din
heiro para comprá-lo.
Bem, quando finalmente coloquei as mãos em um usei-o por cerca de 3 meses e desisti. Não que eu não tenha gostado, mas é necessário muita força de vontade, e por algum motivo desconhecido, eu não conseguia me concentrar quando estava com o corset. Acredito que é porque ele é um tanto desconfortável até que nos acostumemos com o mesmo. Porém, como eu sempre tenho pilhas e pilhas de textos para ler, resolvi deixar meu corset precioso para eventos especiais. Mas sinceramente, não me arrependo de tê-lo comprado e pretendo voltar a praticar tightlacing assim que possível.


Nessas fotos meu corset não está bem colocado, os ilhoses atrás devem ficar retos, mas essas imagens são só para ilustração mesmo, para vocês terem uma ideia de como fica em uma pessoa comum que não é modelo nem nada do tipo.

Algumas dicas que não me deram:

  • Afrouxe um pouco o corset quando for dormir (sim, tem que dormir com o mesmo).
  • Afrouxe um pouco o corset quando for comer.
  • Não compre logo de cara o primeiro (e mais caro) corset que você encontrar. Compre um mais em conta, e quando tiver certeza que vai querer praticar invista nos modelos que quiser. Até porque, depois de um tempo você terá que comprar outro, assim pode usar o mais velhinho pra dormir, e o(s) mais novo(s) para desfilar por aí.
  • Compre um corset de cor neutra, ou seja, um que combine com várias peças de roupas suas, porque não fica muito legal usá-lo por baixo da roupa.
  • Respeito os limites do seu corpo. Pode ser que vinte minutos depois de ter fechado seu corset você já o sinta um tanto larguinho. Não caia na tentação de apertá-lo todo logo de uma vez, porque isso pode causar muita dor depois de algumas horas. MUITA DOR MESMO! Vá devagar, respeitando seu tempo de adaptação.

A Black Rose vende corsets para tightlacing, os preços são ótimos e você pode tirar dúvidas com a Akasha. http://blackrose.br21.com/
E por último, só mais um comentário. Nenhum exagero é bonito:

Au Revoir

13 Responses to “Tightlacing”

  1. lol tigh lacing…como já dito pratique com responsa…afinal com saúde não se brinca e tambem evite exageros se não vc vai parecer uma pessoa enforcada pelo meio…eca!Parabens pelo post amor,continue assim!Bjocas te amo

  2. Este comentário foi removido pelo autor.

  3. tightlacing é um sonho de mtas mulheres mesmo!*.*Pam

  4. Tight lacing é uma prática antiga, porém perigosa para os exagerados.Alguns pontos devem ser marcados, não é necessário dormir com o corset, mas quem quiser fazer o tight lacing tem que usar no mínimo de 6 a 8 horas por dia para dar resultado.Deve-se tomar muito cuidado com essa estória de "corset baratinho", mjuitas lojas, digo por experiência com clientes de todos os tipos, vendem os corsets a preço de banana, muitas vezes são apenas corpetes com barbatanas impróprias para corset, ou são com barbatanas corretas, porém disposta de forma errada, o que pode ocasionar marcas no corpo de quem usa que será muito dificil de tirar, além de transformar a pessoa numa coisa quadrada e achatada, ao invés de cinturada.Uma inovação da black rose foi a barbatana de fibra, pra quem quer aderir a prática mas tem dificuldades em se acostumar com a de ferro, ela tem a mesma função, mas é 10x mais leve e confortável.Retomarei mais adiante um post mais extenso sobre corsets, materiais e funções para esclarecer certas duvidas aos leitores.E corset fica muito bom debaixo da roupa sim, ao menos os underbust, porém deve saber fazer a amarração certa usar a peça certa por cima.E não é necessário comprar sempre outro espartilho, pelo menos na Black Rose, ao perder medida você pode levar o mesmo espartilho *(desde que não seja de material sintético, como corino ou verniz) e diminui-lo novamente para continuar usando, porém só aceitam corsets feitos pela própria loja.Bem, de fato é muita coisa a ser dita, assim que possivel farei um guia um pouco mais extenso, rs.Mais adorei tua cinturinha ^^

  5. lol Adorei este post!!Embora eu precise (e bastante), tight lacing não é muito pra mim (snif), primeiro porque "saúde" não é um termo que combina exatamente comigo rs, segundo porque sou meio indisciplinada, e terceira porque não tenho onde cair morta e não posso me dar ao luxo de ficar comprando vários corsets, tenho um só e sabe-se lá quando poderei comprar outro rsrs (mas eu pretendo). Ficar usando o mesmo todos os dias não me parece uma boa ideia rs.Curti muito as dicas "que não te deram" rs, muito interessantes…Suas fotos estão L-I-N-D-A-S *.* !!!Excelente post, parabéns!!P.s.: Pensei que aquela foto da senhora lá fosse uma montagem (será que tal aberração é possível mesmo???) … =X

  6. Concordo com a Akasha sobre não comprar qualquer corset,porém, quando indiquei para possíveis interessadas em praticar tightlacing que comprassem peças mais em conta, quis dizer mais em conta na faixa de preços da black rose mesmo (se não me engano, tem corsets a partir de R$130). Porque já vi corsets de até R$1.280! Convenhamos, é um exagero!Agora, minha opnião: corset embaixo da roupa NÃO fica legal. A não ser que seja colocado em baixo de uma blusa mais larga ou uma camiseta, acho realmente horroroso, mas isso vai do gosto do freguês, não é mesmo?!Com relação as dicas de uso do corset, o que coloquei no post foi a descrição que encontrei em 'n' blogs relacionados com o assunto, entretanto, não sou corsetmaker. Tenho experiência de 3 meses de uso da peça, ou seja, não sou expert no assunto. A Akasha é corsetmaker, logo, acredito que ela deve ter feito um curso extenso sobre o mesmo. Sendo assim, sugiro que qualquer dúvida sobre a prática ou os corsets em si sejam tiradas com ela.

  7. SIM, ela existe. O nome dela é Cathie Jung e entrou para o livro dos recordes com 38cm de cintura. Tem algumas fotos ainda mais bizarras dela pelo google.O site da "corset queen":http://www.cathiejung.com/=*

  8. Tudo que tende ao exagero e/ou fanatismo torna-se nocivo. Até uma prática que deixa o corpo tão mais bonito assim.O bom é que existem garotas com bom senso, como a senhorita, que sabem dos limites que DEVEM existir.Nem tinha visto o resultado contigo, sua cintura está linda! *-*E não acho, sinceramente, que você precise afiná-la ainda mais.Ótimo post! ;*

  9. Este comentário foi removido pelo autor.

  10. Obs.: aliás, quanto às recomendações, creio que a sua base é extremamente confiável, visto que o post teve como fonte os textos da grife Madame Sher, que por acaso foi quem introduziu o tightlacing no brasil e é reconhecida como perita no assunto!http://www.madamesher.com/pt/corset/tightlacing/1/

  11. OMG, estou chocada com aquela senhora *.*, caraca!! kskskskskssAi, concordo com essa dos preços, na Madame Sher eu até entendo porque a grife é conceituadíssima, e me parece que é só pra quem pode mesmo rs. Mas agora, em quase todo lugar que vc pesquisa (no meu caso, sites), os preços chegam a ser ridículos, bem, pelo menos eu ri. Eu não pago R$: 500,00 num corset nem f***ndo. Comprei o meu na Black Rose porque pesquisei bastante e encontrei modelos bonitos com o preço mais em conta. Mesmo assim, acredito que "pés no chão" vão bem de vez em quando.

  12. Os preços estão superfaturados desse jeito porque está na moda usar corset. Já viu que todo mundo está usando? Desde divas do pop até nem-um-pouco divas do forró. Mas daqui a pouco a moda muda, e quem sabe os preços não voltam ao normal, não é? Vamos torcer!

  13. Concordo coma Eduarda…"Comprei o meu na Black Rose porque pesquisei bastante e encontrei modelos bonitos com o preço mais em conta"Pam

Em busca de respostas? Eu também, então deixe seu comentário, opinião ou sugestão que lerei com muito carinho

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: