Quando se deve partir?

Quando se deve ficar?

Quando se deve deixar o outro partir?

Quando se deve pedir para o outro ficar?

O melhor, é viver a vida, sem roteiros!!

“Quando acordei , vi que tinha uma pessoa do meu lado,
meu olho estava meio embaçado, talvez pela ressaca, mas percebi que era você
e por mais que eu não demostrei que estava feliz por dentro
aquela felicidade persistia em continuar…
.. então, ao pensar nisso, tentei levantar e ir embora, mas só consegui me aninhar ao lado esquerdo e voltar a dormir calmamente. Pra que o mundo lá fora se existe o agora?”

mas que droga, menina!
As vezes eu acho que a melhor solução é a de arranjar uma das 666 maneiras de se partir =/

One Response to “”

  1. Nesses momentos de relutância que se deixar levar é uma grande carta na manga. Às vezes é isso o que falta: deixar-se levar.

Em busca de respostas? Eu também, então deixe seu comentário, opinião ou sugestão que lerei com muito carinho

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: